Troque os filtros e economize muito dinheiro

| 15 de outubro de 2013 | Nenhum Comentário

O consumo alto de combustível é um dos inúmeros prejuízos causados pela falta de manutenção dos filtros que poderá gerar também outros terríveis defeitos, imagine então seu carro com 100 mil quilômetros rodados e que você apenas trocou o filtro de óleo do motor e empurrou o resto com a barriga, ou seja, imagine quantos pepinos estão plantados em seu veículo e são adubados por você mesmo, e todos sabemos que consumo alto é prejuízo certo, mas existem outros inúmeros problemas ocasionados pela falta de manutenção, então pintaremos um quadro de horror, onde um veículo com apenas 60 mil quilômetros rodados entra na oficina para uma revisão em busca de melhoria no consumo de combustível e desempenho.

RECLAMAÇÃO DO CLIENTE

O proprietário relata que o carro de seu vizinho é idêntico em modelo e quilometragem, mas é mais econômico e muito mais potente, ou seja, o cliente tem certeza de um problema, e deseja do fundo do coração que este seja resolvido, mas sem gastar muito é claro.

SOLUÇÃO DO CONSUMO ALTO E BAIXO DESEMPENHO

1 – Filtro de Combustível 

O veículo estava com o filtro de combustível saturado por falta de substituição, o que provocou danos ao elemento filtrante de papel que acabou se rompendo e liberou fibras e sujeira que obstruíram parcialmente as telas do regulador de pressão e bicos injetores, e infelizmente algumas fibras foram parar também na ponta dos bicos injetores que tiveram que passar por uma limpeza, mas calma, pois a bomba de combustível também sofreu com a força excessiva que o filtro sujo demandou, e sua vazão foi comprometida, sendo necessário efetuar a troca da bomba  junto com seu pré filtro e ainda executamos uma bela limpeza do tanque que estava bem contaminado.

Prazo de troca –  O filtro de combustível deve ser trocado no máximo a cada 15 mil quilômetros ou conforme o manual do fabricante.

 

2 – Filtro de Ar 

O filtro de ar do motor estava sujo e o cliente informou que realizava limpezas frequentes com ar comprimido, mas ele não sabia que essa ação piora ainda mais o estado do filtro de ar, e infelizmente o motor precisou ser aberto para descarbonização causada pela contaminação de óleo arrastado com os gases do cárter de óleo, ou seja, o filtro de ar do motor obstruído provocava a admissão preferencial dos gases do cárter em vez de puxar ar externo, pois o filtro sujo cria um resistência, que acima de tudo promove um maior consumo de energia do motor que pode ser traduzido em elevação do consumo de combustível, além de prejudicar o desempenho do veículo em todos os regimes de funcionamento, incluindo dificuldades em pegar na primeira partida da manhã.

Prazo de troca – O filtro de ar deve ser trocado no máximo a cada 10 mil quilômetros ou antes caso esteja saturado, e vale sempre uma inspeção visual a cada 3 meses (veja o vídeo acima).

 

3 – Filtro de Óleo

O filtro de óleo do motor estava com sua troca atrasada e a peça encontrada era de péssima qualidade, ou seja, o sistema de lubrificação do motor estava comprometido a muito tempo e suas trocas irregulares de óleo acabaram demandando uma desmontagem completa do motor para limpeza de borra e troca do pescador de óleo, mas durante a manutenção notamos a necessidade de retifica do motor por desgaste mecânico devido a utilização de óleo de motor diferente ao recomendado pelo fabricante. O cliente reclamava ainda que o carro batia tuchos na primeira partida  do dia, então descobrimos que a válvula de retenção do filtro anterior era ineficiente e bastaria a aplicação de um filtro novo de qualidade para que o problema tivesse sido resolvido no passado.

Prazo de troca –  O filtro de óleo deve ser trocado em todas as trocas de óleo de forma preventiva, pois seu custo é baixo e vale muito a pena realizar a troca preventiva, tendo em vista que combustíveis adulterados prejudicam o lubrificante e isso pode saturar o filtro rapidamente.

 

Seu carro possui inúmeros filtros e se você não cuidar deles seu mecânico mais cedo ou mais tarde vai ser obrigado e consertar seu veículo, ou seja, você pode cuidar do seu carro por amor ou pela dor.

Trocar os filtros principais como determina o manual do veículo não custa mais do que um tanque de combustível ao ano, mas deixar os filtros de lado poderá custar muito caro.

Você imagina quantos filtros o seu veículo pode ter

  1. Filtro de ar do motor
  2. Filtro de combustível
  3. Pré filtro de combustível (tipo tela ou feltro)
  4. Filtro do regulador de pressão de combustível (tipo tela)
  5. Filtro do bico injetor (tipo tela)
  6. Filtro de combustível da partida a frio
  7. Filtro de óleo do motor
  8. Filtro de óleo do pescador e óleo do motor (tipo tela)
  9. Filtro de óleo da transmissão ou robô
  10. Filtro de óleo da direção hidráulica
  11. Filtro do duto do tanque de abastecimento
  12. Filtro do respiro do tanque
  13. Filtro do ar condicionado
  14. Filtro separador de óleo do sistema avaporativo de gases do motor
  15. Outros filtros

A lista desse artigo indica 14 filtros, mas seu carro pode ter mais e muitos deles poderão causar mau desempenho e a elevação do consumo de combustível.

Veja também vídeos dos filtros em ação 3D


BANNER ARTIGOS

Categoria: Artigos, Direção, Falha Motor, Injeção Eletrônica, Motor Mecanica

About the Author ()

Profissional do ramo automotivo, dedicado a fornecer as informações necessárias, para a construção de uma relação positiva entre os consumidores e reparadores.