Motor fazendo fumaça – Azul, preta e 2 tipos de branca!

| 24 de abril de 2012 | 165 Comentários

Um dos males mais assustadores é a queima de óleo. E você, sabe identificar o significado da fumaça branca, azul ou da preta?

TODO MOTOR BAIXA ÓLEO!

Isso mesmo, todos os motores tem um consumo natural de óleo e essa quantidade vem especificada no manual do veículo e pode chegar a 1 litro a cada 1000 quilômetros, e por isso é que se deve verificar periodicamente o seu nível. Mas lembre de clicar aqui para ver nossa matéria sobre como proceder a verificação da forma correta.

O movimento dos pistões depende da presença de lubrificante para que não venham a fundir e esse lubrificante em partes acaba permanecendo na câmara de explosão e acaba sendo queimado e vai sair discretamente junto com os gases lá pelo escapamento. Um grande a incomodo é quando se nota a presença de uma quantidade exagerada de gases de óleo e ai o sono se vai e acabamos nos desgostando de nosso possante. O pior é que a queima excessiva de óleo é algo que um dia mais cedo ou mais tarde irá acontecer por desgaste mecânico das peças do motor, mas existem alguns itens de custo baixo que vão te manter por 10 minutos na oficina e a tal fumaça poderá ser resolvida, mas antes destas dicas vamos ver o motivo de cada tipo de fumaça.

Agora vamos aprender a identificar a origem da fumaça no escapamento

Um motor em perfeito estado não deve apresentar fumaça durante seu funcionamento, salvo pela manhã durante o primeiro funcionamento onde um vapor de água pode se apresentar devido a condensação ou mesmo em veículos a álcool que possuem água no combustível, mas atenção, pois abaixo vamos descrever os motivos de cada tipo de fumaça, que indicam um defeito pior do que outro.

 

FUMAÇA BRANCA 1

A fumaça branca encontrada em carros com motor aquecido, pode ser resultado da presença de liquido do radiador. Esse sintoma geralmente é provocado pela passagem de água através da junta do cabeçote defeituosa, que acaba atingindo a câmara de combustão e finalmente sai pelo escape. Uma falha de motor pode até mesmo ocorrer, pois em algum momento o vazamento poderá atrapalhar a combustão, devido a contaminação das velas ou mesmo da mistura ar combustível. Nota-se também a diminuição do nível do reservatório do radiador. É importante que se resolva essa contaminação, pois caso a câmara de combustão venha se encher de liquido, um calço hidráulico pode acontecer e isso pode causar um grave dano ao motor.

Atenção - Quando a temperatura ambiente está muito baixa, alguns vapores podem se formar devido a condensação e isso é normal.

FUMAÇA BRANCA 2

O fluído de freio pode ser queimado pelo motor graças a um conjunto de defeitos no cilindro mestre e no servo freio, onde o fluido vaza do cilindro e ao se depositar em um servo freio (hidrovácuo) furado, este passa a ser admitido pelo motor graças ao vácuo gerado pelo motor e conseguentemente a fumaça gerada pela queima do fluído de freio é branca também. Saiba mais no vídeo abaixo.

 

FUMAÇA PRETA

A mistura rica de combustível conhecida como “excesso” é a culpada pela fumaça preta, pois o combustível acaba sendo queimado no escapamento aquecido. Essa fumaça é acompanhada por um forte cheiro, e pode ser resolvida com uma revisão no sistema de injeção eletrônica ou mesmo do carburador.

Atenção - A fumaça preta sempre vem acompanhada de alto consumo!

 

FUMAÇA AZULADA

A fumaça azulada é a mais preocupante, pois indica a queima de óleo lubrificante, e o consumo de óleo pode ser tão grande que o seu nível pode baixar muito rápido e provocar a falta de lubrificação do motor. Essa queima ocorre por desgaste em anéis, retentores de válvulas, ventilação de motor obstruída, defeitos em turbinas ou outros problemas, e pode ser necessário até mesmo a realização de uma retifica de motor entre outros!

Atenção – A fumaça azul geralmente é acompanhada de alto consumo de óleo e nunca confunda fumaça Azul com a Branca!

Segue algumas dicas para fumaça Azul/óleo

primeira dica é sobre o excesso do nível de lubrificante, onde ele acaba se mantendo em contato direto com anéis e pistões e acabam contaminando a câmara de combustão e assim gerando a temida fumaça, onde bastará corrigir o nível e a fumaça cessará.

segunda dica fica a cargo do excesso de pressão dentro do motor por causa de uma ridícula obstrução do respiro do motor devido a falta de manutenção. Essa manutenção passa desapercebida inclusive por profissionais peritos em motor ou postos de troca de óleo que deixam de verificar os defletores de óleo (ante chamas) dos motores atendidos e que chegam a danificar retentores que provocam terríveis vazamentos de óleo como também a temida fumaça. No vídeo que encabeça essa matéria, nós citamos o Marea e seu respiro interno da tampa de válvulas, mas esse é apenas um exemplo, poi independente do projeto, a obstrução do respiro sempre irá causar o mesmo sintoma terrível que pode ser resolvido em menos de 10 minutos ao se verificar o ante chama ou respiro.

terceira dica são os retentores de guia de válvulas que com o passar do tempo acabam falhando e deixam passar óleo. Esse óleo acaba escorrendo pelas válvulas e contamina a câmara de explosão. Esses retentores em muitos casos podem ser trocados sem desmontar todo o motor e são os grandes culpados pela maioria dos escapamentos fedidos que encaramos pelas estradas.

quarta dica fica por conta de algum defeito na junta que fica entre o cabeçote e o bloco do motor que acompanhado de algum falhamento, também causa o sintoma da queima de óleo.

quinta dica fica pelo mais complicado, caro e demorado. Os anéis quando defeituosos, seja por desgaste ou quebra, acabam gerando um custo maior para a solução dos problemas, mas não se preocupe com despesas desnecessárias a respeito dos primeiros itens desta dica, pois verificar o respiro, nível de óleo, retentores  e junta, serão os menores dos custos e caso o motor precise ser aberto, todos eles naturalmente deverão ser revisados mesmo.

  • Vá devagar e respeite a ordem das dicas, e lembre de não ir direto aos anéis, para evitar um gasto desnecessário!

CONSUMO OLEO

Curta nossa Fã Page!

 

 

Categoria: Artigos, Falha Motor, Motor Mecanica